Sindspref estará na Greve Geral do dia 14

Durante Assembleia Geral do Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Município de Maceió, que aconteceu na manhã desta terça-feira (11), no Clube Fênix Alagoana, Jaraguá; a categoria votou para a participação na greve geral, que acontece próxima sexta-feira (14), com concentração às 15h na Praça Centenário.

A greve geral do dia 14 acontece em todo o Brasil. Em Maceió, já foi definido que bancos estarão fechados, transporte público não irá funcionar e todos os serviços prestados pelos servidores públicos do município de Maceió estarão indisponíveis. Na sexta-feira trabalhadores, estudantes, centrais sindicais e movimentos sociais estarão nas ruas em uma grande mobilização contra o projeto do governo de reforma da Previdência e o contingenciamento na Educação e também a favor de uma agenda para geração de empregos formais e para a retomada do crescimento da economia.

Servidores públicos de Maceió se reúnem em Assembleia Geral nesta terça-feira

Prefeitura de Maceió não enviou nenhuma proposta de reajuste salarial para a categoria, que está com a data-base em atraso há seis meses

 

Não se chega a uma solução. A Prefeitura Municipal de Maceió não enviou nenhuma proposta de reajuste salarial para o servidor público municipal, mesmo após diversas reuniões com os representantes sindicais da categoria ao longo do ano de 2019. Impacientes, trabalhadores cobram posicionamento mais duro. É nesse clima que acontece uma Assembleia Geral do Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Município de Maceió, nesta terça-feira (11) às 9h no Clube Fênix Alagoano.

Rumo à greve geral no dia 14, servidores públicos municipais estão mais do que descontentes, estão indignados. “Cobramos maior valorização profissional por parte do nosso chefe do Executivo Municipal; mais investimento para nossa educação e um maior poder de decisão sobre o futuro da nossa aposentadoria”, assegura o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes.

ASSEMBLEIA GERAL DO MOVIMENTO UNIFICADO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE MACEIÓ

Data: terça-feira (11)

Hora: 9h primeira chamada | 9h30 segunda chamada

Local: Clube Fênix Alagoana, Jaraguá

 

 

Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência acontece sexta-feira (22)

Em Maceió, concentração será às 15h, na Praça Centenário

 

As centrais sindicais e os movimentos sociais de todo o Brasil estão unidos contra a reforma previdenciária. Pensando em barrar todas as injustiças promovidas pela Proposta de Emenda Constitucional nº 06/2019, que foi entregue aos parlamentares pelo Governo Federal no dia 20 de fevereiro de 2019; será realizado em todo o Brasil, o Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência na próxima sexta-feira (22). Em Maceió, a concentração será às 15h, na Praça Centenário.

 

Para o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Municipio de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes, é de grande importância que toda a população esteja envolvida para lutar contra todas as consequências cruéis para os trabalhadores e trabalhadoras. “Não deixe que os políticos tirem o seu direito à aposentadoria. Qual o motivo de contribuir, se nem você nem a sua família, irão poder usufruir do seu esforço e dedicação ao longo de tantos anos de trabalho? Quem tem que pagar pelos erros são os políticos! E não a população”, reforça Sidney Lopes.

Se aprovada, a reforma da Previdência do Governo Bolsonaro irá trazer diversas consequências para o futuro dos brasileiros. As mulheres irão trabalhar mais e receber menos, os idosos em situação de miserabilidade irão viver em pobreza extrema; todos terão que contribuir durante 40 anos para poder tirar 100% do benefício, a pensão por morte será cortada em 50%, o dinheiro do contribuinte irá direto para o acumulo de riqueza dos bancos, com o sistema de capitalização.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO – ASSEMBLEIA GERAL DIA 4 DE FEVEREIRO 2019

A DIRETORIA DO SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MACEIÓ E REGIÃO METROPOLITANA DO ESTADUAL DE ALAGOAS – SINDSPREF, em conformidade com os arts. 65,66,67 e 77 do Estatuto do Sindicato, vem convocar todos os servidores públicos municipais sindicalizados a participarem de Assembleia Geral Extraordinária Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada na segunda-feira (04), às 9h00 para primeira convocação e 9h30 para segunda convocação, no auditório do Sindicato dos Bancários de Alagoas, Rua Barão de Atalaia, 50 – Centro, Maceió. Para discutir a respeito de:

­­

– Data-base 2019;

– Encaminhamentos de luta, por falta de interesse do município em realizar reuniões com a Mesa de Negociação Coletiva, para atender a solicitação dessa entidade, de acordo com o Ofício de nº 007/2019 de 10 de janeiro de 2019.­­

 

Contamos com sua presença!

Presidente do Sindspref

Sidney Lopes

Em Maceió, servidores públicos se reúnem em Assembleia Geral próxima quinta-feira

 Os servidores públicos municipais de Maceió votam percentual relativo a data-base 2019 e a reposição salarial de 2015 a 2018

Próxima quinta-feira (17), acontece a primeira Assembleia Geral dos servidores públicos do município de Maceió no auditório do Sindicato dos Bancários, na Rua Barão de Atalaia, nº50, Centro, às 9 horas. A categoria vota o percentual que reúne a data-base de 2019 e a reposição salarial referente aos anos de 2015, 2016, 2017 e 2018.

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes, ressalta que todo servidor público municipal, aposentado ou na ativa, pode participar da Assembleia Geral.

“Este é o primeiro momento em que o trabalhador vai votar a proposta salarial para enviar para o gabinete do prefeito de Maceió, Rui Palmeira. É importante que todos estejam presentes para que a Campanha Salarial 2019 comece com toda a força da categoria”, expõe Sidney Lopes.

Em 2018, o prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB) iniciou as negociações com uma proposta de 0%, mas após intensa luta dos trabalhadores e com um movimento paredista que durou 119 dias, legalizado pelo Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL), os servidores públicos municipais ganharam a reposição salarial de 3%; sendo 2% implantado em agosto, retroagindo seus efeitos a junho de 2018, e 1% a ser implantado em outubro.

Assembleia Geral

Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Município de Maceió

Data: quinta-feira (17/01)

Hora: 09h primeira chamada | 9h30 segunda chamada

Local:  Sindicato dos Bancários, na Rua Barão de Atalaia, Centro