EDITAL – COMISSÃO ELEITORAL

A COMISSÃO ELEITORAL DO SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE MACEIÓ E REGIÃO METROPOLITANA ESTADUAL DE ALAGOAS- SINDSPREF, CNPJ 244780830001/97, constituída em conformidade com o Artigos 85,86,87,89,90,91,92,93 e 116 do Estatuto do sindicato, vem convocar a Assembléia Ordinária Eleitoral visando a ELEIÇÃO do Sistema Diretivo do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais Maceió e Região Metropolitana Estadual de Alagoas, referente ao quadriênio 2022/2026, conforme segue: PERÍODO DE INSCRIÇÃO/ LOCAL/ HORÁRIO: 26 de janeiro de 2022 à 01 de fevereiro de 2022 (dias uteis), na sede do SINDSPREF, situada na Rua Guedes Gondim, 236 – Centro, Maceió/AL, das 08h00min às 12h00min. DATA DA ELEIÇÃO/LOCAL/ HORÁRIO: 10 de março de 2022, localizado Rua Guedes Gondim, 236, Centro das 08h00min às 14h00min. APURAÇÃO DOS VOTOS: Depois de encerrada a votação, a apuração dos votos será realizada no mesmo local de votação, com resultado divulgado imediatamente. Maceió – AL, 26 de janeiro de 2022. FERNANDO CÂNDIDO DO NASCIMENTO Presidente da Comissão Eleitoral TARSYS HENRIQUE GAMA DOS SANTOS Secretário da Comissão Eleitoral OLIVANO DIAS ALBUQUERQUE Membro da Comissão Eleitora.

PUBLICAÇÃO DO EDITAL

PG0526-QUARTA-FEIRA (1)

Após solicitações do Sindspref, decreto aumenta margem de consignado para 40% do servidor público municipal de Maceió

Diretoria do Sindspef esteve em diversas reuniões ao longo do ano cobrando a adequação da legislação municipal à legislação federal

Foi publicado no Diário Oficial do Município de quinta-feira, 2, o Decreto nº 9.134/2021, de 1º de dezembro de 2021, que aumenta a margem para obtenção de empréstimo consignável, dos servidores públicos municipais, ativos e inativos, para 40%.

A solicitação feita pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes, em diversas reuniões de 2021, com o intuito de igualar os limites de consignação com a dos servidores públicos estaduais e federais, adequando a legislação municipal à Lei Federal nº 14131/2021, que ampliou o percentual em razão da pandemia.

Sidney Lopes agradeceu a publicação do decreto ao prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (PSB) e pediu para que os funcionários públicos tenham cautela ao tirar empréstimos. “Devemos sempre avaliar o impacto na nossa renda mensal, por isso peço a todos que estudem bem os valores que vocês desejam pedir de empréstimo”, explicou.

O Decreto nº 9.134/2021, que dispõe sobre as consignações compulsórias e facultativas em folha de pagamento de servidores da administração direta ou indireta, autárquica e fundacional, aposentados e pensionistas do município de Maceió, oferece o parcelamento de empréstimos em até 96 meses.

É importante ressaltar o desconto de 2%, realizado pela administração municipal para custear gastos com os processamentos das consignações, que consta no artigo 19, do decreto:

Art. 19 Para a cobertura dos custos de processamento de dados das consignações facultativas, os consignatários contribuirão com a quantia correspondente a 2% (dois por cento) do valor consignado.

§ 1º O recolhimento dos valores previstos no caput deste artigo será processado automaticamente pelo Município de Maceió, sob a forma de desconto incidente sobre os valores brutos e serem repassados ou creditados às entidades consignatárias, e recolhidos mensalmente ao Fundo de Desenvolvimento de Recursos Humanos – FDRH, instituído pela Lei n. 5.165, 14 de dezembro de 2001.

Acesse o decreto completo no link abaixo:

Decreto nº 9.134/2021

Sindspref celebra fim de ano com entrega de prêmios para servidores

Evento será online no dia 13 de dezembro, ao vivo, pelo Instagram @sindspref

O Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref) vai sortear centenas de prêmios para os servidores públicos municipais sindicalizados, na segunda-feira (13/12), ao vivo pelo Instagram do sindicato (@sindspref). A premiação está marcada para acontecer às 9h da manhã na sede do Sindspref, na Rua Dr. Guedes Gondim, 236, Centro.

Dentre os itens sorteados estão: 10 TVs 32’’, 10 bicicletas, 10 ventiladores, 10 aparelhos de som e centenas de cestas natalinas. Os servidores, que tiverem interesse em participar no dia, podem se inscrever na sede do sindicato.

O presidente do Sindspref, Sidney Lopes, ao mesmo tempo em que convida a todos os sindicalizados, ativos e inativos, para assistirem o ao vivo, explica o motivo de não ocorrer a festa de confraternização.

“Trabalhamos incansavelmente para trazer maior dignidade e valorização aos trabalhadores. Sabemos da dificuldade que é realizar um grande evento hoje e não podemos fechar os olhos para um problema grande de saúde pública que estamos vivenciando. Na segunda-feira, o Brasil contabilizou um total de 613.240 óbitos desde o início da pandemia. Uma catástrofe ampliada pela incompetência do presidente Jair Bolsonaro. Em respeito às vítimas e pensando na segurança de todos, decidimos evitar as aglomerações e não haverá a nossa festa de confraternização”, expõe Sidney.

A lista dos ganhadores será publicada nas nossas redes sociais e site e todos os prêmios podem ser retirados na sede do Sindspref a partir da segunda-feira, 13, de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 17h. Aqueles, que tiverem algum problema de saúde e não puderem pegar o prêmio , por favor entre em contato no número do sindicato (82) 3326-2760.

Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (SINDSPREF)

ENDEREÇO: Rua Doutor Guedes Gondim, 236, Centro, Maceió, Alagoas
CONTATOS: (82) 3326-2760 | sindicato@sindspref.com.br

 

Decepção com governo JHC marca reunião entre servidores e governo

Servidores públicos municipais entregaram parecer contábil e revela mentiras do Executivo Municipal durante primeira reunião para discutir recomposição salarial

Os servidores públicos do município de Maceió acumulam mais de 25% de perdas salariais desde 2014. Para tratar sobre este assunto ocorreu uma reunião na segunda-feira (17) entre o Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Município de Maceió e o secretário de Governo Francisco Sales, a secretária de gestão Rayane Tenório, o secretário de economia João Felipe e o vereador Zé Marcio Filho (PSD), representante da Comissão de Finanças da Câmara Municipal de Maceió.

O resultado foi decepcionante para os servidores. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes, o governo JHC trouxe argumentos superficiais para não conceder a reposição. “A Prefeitura de Maceió informou que o percentual pago para despesas com pessoal está em 55,58%, que é acima da Lei de Responsabilidade Fiscal. Mas ele não trouxe nenhum estudo para justificar”, relatou Sidney.

Enquanto isso, um parecer contábil referente ao reajuste dos servidores públicos do município de Maceió, feito a pedido dos sindicatos, revela um percentual histórico de 37,73% com gastos de pessoal. “Nós fomos preparados para a reunião e oferecemos a possibilidade da recomposição salarial por meio de um estudo que demonstra algo totalmente diferente do apresentado pelos secretários do JHC”, explica Sidney Lopes.

Ao fim da reunião, ficou combinado a criação de uma comissão entre os sindicatos e a Prefeitura de Maceió para estudar os dados apresentados com o intuito de chegar a um consenso em relação a reposição salarial.

 

PARECER CONTÁBIL

O parecer contábil foi produzido pelo contador Diego Farias de Oliveira da Massayó Contabilidade e realizado com números originários dos relatórios bimestrais (RREO) e quadrimestrais (RGF), publicados no SICONFI – Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (www.siconfi.gov.br) e no site da Prefeitura de Maceió (http://www.transparencia.maceio.al.gov.br/), em conformidade com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LC nº. 101/2000).

PARECER CONTÁBIL 16.2021 Movimento Unificado 2021

Sindspref cobra progressão por mérito dos servidores públicos municipais de Maceió

Lista com o nome de todos os sindicalizados que merecem a progressão foi entregue pela secretária de Gestão

A progressão por mérito é o efeito de um ótimo desempenho das suas funções por parte dos servidores públicos municipais. Com o intuito de cobrar um posicionamento sobre a retomada do pagamento dos trabalhadores, o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Sidney Lopes, se reuniu com o secretário de governo, vereador Francisco Sales, e com a secretária de gestão, Rayanne Tenório, na segunda-feira (26).

Sidney Lopes recebeu da secretária de gestão a lista com todos os servidores públicos sindicalizados que estão aptos a receber as progressões e ainda não receberam.

“Começamos com a abertura do diálogo entre o governo JHC e os servidores para reivindicar a melhoria salarial e principalmente a retomada das progressões por mérito, uma garantia do nosso Plano de Cargos e Carreiras, que não está sendo cumprida desde a gestão do Rui Palmeira”, ressaltou Sidney.

De acordo com Rayanne Tenório a Prefeitura de Maceió está realizando o levantamento dos dados dos servidores relativos as progressões por meio de um grupo de trabalho e que até o momento só foram implantadas as que chegaram por quebra de ordem ou decisão judicial.

A secretária de gestão se comprometeu em agendar uma nova reunião para que o Executivo Municipal apresente os dados e proponha alternativas para o retorno das progressões por mérito.

Click no link e acesse a lista com o nome dos servidores sindicalizados que tem direito a progressão por mérito

Folha 2

folha 3

Folha 4

Folha 5

Folha 6

Folha 7

Folha 8

Folha 9

Folha 10

Folha 11

Folha 12

Folha 13

Folha 14

Folha 15

Sudes atende pedido do sindicato e entrega EPIs

Equipamentos de proteção individual (EPIs) chegaram na manhã desta quarta-feira

Após cobrança dos servidores públicos municipais lotados na Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável, a compra dos equipamentos de proteção individual (EPIs) foi efetivada na manhã desta quarta-feira (28).

A diretora do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref), Márcia Rejane, recebeu a notícia seguida com a foto do material.

“Valorizar o trabalhador e dar as melhores condições de trabalho é essencial para o bom desempenho das suas atividades. Fico grata pelo atendimento deste pedido e estamos no aguardo da realização das outras questões conversadas na reunião”, reflete Márcia.

A diretoria do Sindispref esteve na segunda-feira (26) com o superintendente da Sudes, Ivens Peixoto, e com o diretor administrativo Ronaldo Farias.

NOTA DE ESCLARECIMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS

Estamos cansados de ouvir que os únicos que defendem o distanciamento social são os servidores públicos porque temos nossos salários “garantidos”.
Não somos os vilões da pandemia ou da crise brasileira.
Somos SERVIDORES PÚBLICOS, o que significa dizer que NINGUÉM nos deu vaga no serviço público, não fomos eleitos ou indicados por alguém.
Trabalhamos com dedicação!
Inclusive, em tempos de pandemia, a maioria de nós encontra-se totalmente exposto na linha de frente,  só paramos se ficarmos doentes!
NOSSA ESTABILIDADE não é um privilégio. Ela tem previsão legal e visa a PROTEÇÃO do servidor público concursado, para que possamos atuar com independência, com técnica, competência e seguindo os princípios morais, éticos e legais da Constituição Federal, SEM O RISCO DE SERMOS PREJUDICADOS por interesses espúrios ou assédio moral.
Não temos direito a FGTS.
Quando sairmos, não teremos nada para sacar depois de 25-30 anos trabalhando.
O percentual para a Previdência 14% (aposentadoria) já vem descontado no nosso salário. Nós que pagamos pelo nosso descanso no futuro.
NÃO SONEGAMOS IMPOSTOS, como muitos profissionais liberais.
Dos nossos defasados salários é descontado 27% para o IMPOSTO de RENDA com possível aumento para 35%. (Isso quando se ganha o suficiente para ter desconto de IR,  grande parte dos Servidores Públicos recebe um salário mínimo ou pouco mais que isso).
CONCURSO PÚBLICO é para todos, qualquer um pode participar, basta se inscrever e ser APROVADO.
Se o governo está em crise, a culpa não é de quem estudou e passou em concurso público.
A CRISE NAS FINANÇAS PÚBLICAS é resultado de CORRUPÇÃO, RENÚNCIAS FISCAIS, INADIMPLÊNCIA dos grandes devedores, USO INDEVIDO da finalidade e má administração dos recursos públicos.
GRANDES EMPRESAS e alguns BANCOS sonegam impostos e têm suas dívidas perdoadas. Algumas IGREJAS gigantescas que mais funcionam como empresas SEQUER pagam impostos!!
Os ÚNICOS SERVIDORES PÚBLICOS que ONERAM OS COFRES PÚBLICOS são alguns poucos cargos e alguns POLÍTICOS, que se tornam servidores devido ao SEU voto e VOCÊ não luta contra isso! Isso sim é imoral!
NÃO SÃO OS PROFESSORES, NÃO SÃO OS PESQUISADORES CIENTÍFICOS, OS MÉDICOS, OS ENFERMEIROS, OS DENTISTAS, OS POLICIAIS, OS ASSISTENTES SOCIAIS, OS SERVIDORES PÚBLICOS EM GERAL que ONERAM O PAÍS e sim, a corrupção e privilégios absurdos de alguns políticos!
Não se deixe enganar!
A CRISE ECONÔMICA É POLÍTICA, a falta de acesso à saúde, ao ensino e à segurança pública e aos demais serviços por parte da população… NADA DISSO É CULPA dos servidores públicos e nem da pandemia. Nós trabalhamos com empenho e dedicação.
Colegas servidores ativos ou inativos, copiem, editem se julgar necessário, e repassem esta mensagem. Precisamos nos unir.

Sudes volta a ser cobrada por diretoria do Sindspref

Data para o pagamento de vale transportes foi definida pela Prefeitura de Maceió

 

A diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió e Região Metropolitana do Estado de Alagoas (Sindspref) cobrou do superintendente Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Ivens Peixoto, a definição de uma data para o pagamento do vale transporte, pediu a compra dos equipamentos de proteção individual (EPI’s) dos funcionários, solicitou a disponibilização de protetores solar para os servidores que trabalham expostos ao sol e requereu a manutenção de uma bomba de água, que está quebrada.

A reunião que aconteceu na manhã desta segunda-feira (26) na sede da Sudes, em Jaraguá, proporcionou resposta para a maioria das questões elencadas, entre elas o retorno com a definição da data de pagamento dos vales transportes, que será no dia da remuneração do servidor público municipal.

Estiveram presentes o presidente do Sindspref, Sidney Lopes, as diretoras Márcia Rejane e Edilma Brennand, o superintendente da Sudes, Ivens Peixoto, e o diretor administrativo Ronaldo Farias.

“Desde o começo do ano os servidores públicos municipais lotados na Sudes estão requisitando a resolução destas pendências, que estão com seus dias contados. Insistimos em diversas reuniões com os gestores públicos e hoje saímos com a definição da data de pagamento dos vales transportes e com um retorno para todos os outros pedidos encaminhados”, explica Sidney.

Os EPI’s já estão sendo comprados para serem distribuídos para todos. A bomba de água do Dique Estrada está recebendo a manutenção na terça-feira (27) e o sindicato recomendou que a Sudes entrasse em contato com a Secretaria Municipal de Saúde para pedir auxílio na  distribuição dos  protetores solar.

Para Márcia Rejane um bom diálogo é tudo. “Acredito que manter um bom relacionamento e o diálogo aberto é muito importante, só assim conquistamos todas as melhorias e exigências dos trabalhadores com seus empregadores”, ressaltou a diretora do Sindspref.

A diretora Edilma Brennand explica que o papel do sindicato é ficar a frente das negociações e fazer o melhor pela categoria. “Nosso sindicato é forte, pois é feito de trabalhadores unidos. Hoje, estamos aqui defendendo a categoria e garantido que as suas solicitações sejam atendidas pelos gestores públicos”, finaliza Edilma.